A reformulação do ensino médio é pauta de videoconferência nacional organizada pela Seduc

A reformulação do ensino médio é pauta de videoconferência nacional organizada pela Seduc

Secretário

Para discutir propostas visando a reformulação do ensino médio que hoje é desenvolvido no Brasil, a Secretaria de Estado de Educação (Seduc), em parceria com o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) promoveu nesta semana uma videoconferência com a participação de professores e especialistas em educação de mais de mais de quinze estados brasileiros.

Transmitida pelo Centro de Mídias da Seduc e acompanhada por entidades educacionais de todas as regiões do país, as discussões estiveram centradas em análises situacionais e propostas para se viabilizar, em curto e médio prazo, um ensino médio mais atrativo e condizente com a realidade dos estudantes brasileiros.

“Precisamos priorizar esta discussão, visto que o Ensino Médio é hoje um dos principais desafios educacionais do país. Estamos suscitando e intermediando uma discussão nacional que visa, a partir de inferências na legislação, indicar medidas concretas objetivando a reformulação desta etapa do ensino básico”, afirmou o secretário de Estado de Educação do Amazonas e vice-presidente do Consed, Rossieli Soares da Silva.

Conforme Rossieli Soares, as discussões servirão de fundamento para inferências na elaboração do Projeto de Lei nº 6840/2013 em tramitação no Congresso Nacional.

O referido Projeto de Lei, que está em vias de ser votado pelo legislativo, altera a Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, dispõe sobre a organização dos curriculos do ensino médio e dá outras providências.

Durante a videoconferência, foram tópicos da discussão: o ensino médio noturno; o profissionalizante; a possibilidade de composição do curriculo com áreas optativas para o aluno; o ensino com mediação tecnológica; o ensino associado à educação a distância; associado à educação integral; a formulação de um currículo divido por áreas do conhecimento, dentre outros pontos.

Participaram da discussão, educadores do Paraná, de Roraima, de São Paulo, do Distrito Federal, Espírito Santo, Pernambuco, Acre, Rio Grande do Sul, Mato Grosso, Ceará, Roraima, Alagoas, Amazonas e de outros Estados. Uma nova rodada discussões, com mesma sistemática de videoconferência, está agendada para a próxima terça-feira (28).

Números

Segundo o último Censo Escolar da Educação Básica, o Brasil tem aproximadamente 8,3 milhões de estudantes matriculados no ensino médio e cerca de 524 mil professores lecionando nesta etapa de ensino.

Você está aqui: Notícias A reformulação do ensino médio é pauta de videoconferência nacional organizada pela Seduc